Tudo sobre o cargo de Agente Administrativo da PF

Existe a possibilidade de um novo concurso público da Polícia Federal ser autorizado já no início de 2022, com vagas na área administrativa. Então, no texto de hoje nós vamos te contar tudo o que você precisa saber sobre o cargo de Agente Administrativo da PF.

concurso Polícia Federal

Em primeiro lugar, fique sabendo que já existe um pedido em andamento, que aguarda autorização para abertura de 404 vagas de Agente Administrativo. Este é um cargo que exige apenas nível médio completo e possui jornada de trabalho de 40 horas por semana.

O salário do Agente Administrativo da PF é composto de vencimento básico (R$ 2.043,17) + GDATPF. Essa gratificação é paga por produtividade, feita através de uma avaliação que vai até 100 pontos. Cada ponto equivale a R$ 22,12, ou seja, o máximo da gratificação é de R$ 2.212,00, totalizando uma remuneração de R$ 4.255,17. E ainda, a função inclui auxílio alimentação R$ 458,00, o que dá um total de R$ 4.713,17 de remuneração.

Como este é um concurso público que costuma ser muito concorrido é importante começar a se preparar o quanto antes. Além de um bom curso online, é preciso treinar também com questões de concurso PF para estar bem-preparado para o dia da prova dda Polícia Federal.

Atribuições do Agente Administrativo da PF

Quanto as atribuições, este cargo não trabalha na investigação, mas em áreas como a de Recursos Humanos, Patrimônio, Financeira, Licitações e Contratos, entre outras. É possível atuar em delegacias de migração, fazendo a emissão de passaporte ou junto aos Peritos. Ou na Delegacia de Controle de Armas e Produtos Químicos, auxiliando no processo de concessão de porte de arma.

Levando em conta o último edital para o cargo, podemos listar as seguintes atribuições:

  • realização de atividades de nível médio, de grande complexidade, envolvendo a apresentação de solução para situações novas, a necessidade de constantes contatos com autoridades de média hierarquia, com técnicos de nível superior e/ou contatos eventuais com autoridades de alta hierarquia e abrangendo planejamento em grau auxiliar e pesquisas preliminares realizadas sob supervisão indireta, predominantemente técnica, visando à implementação das leis, regulamentos e normas referentes à administração geral e específica;
  • supervisão dos trabalhos que envolvam a aplicação das técnicas de pessoal, orçamento, organização, métodos e materiais executados por equipes auxiliares, chefia de secretarias de unidades da mais alta linha divisional da organização.

É importante ficar atento a lista de documentos para a posse na PF que será exigida depois da aprovação no concurso. Ela deve constar no edital e geralmente exige que sejam apresentados alguns documentos, como por exemplo, a carteira de identidade, o comprovante de escolaridade, o CPF, a certidão de nascimento ou casamento, o título de eleitor, a carteira de trabalho, a carteira nacional de habilitação (CNH), entre outros.

Prova para Agente Administrativo da PF

Ainda não sabemos como será a prova do próximo concurso, mas existe a possibilidade de seguir as mesmas etapas do último edital para o cargo. Portanto, os candidatos deverão ser avaliados com prova objetiva, contendo 50 questões de conhecimentos básicos e 70 questões de conhecimentos específicos. A lista de disciplinas deve ser a seguinte:

  • Conhecimentos Básicos (50)
    • Português
    • Noções de Informática
    • Raciocínio Lógico
    • Atualidades
    • Noções de Direito Administrativo
    • Noções de Direito Constitucional
  • Conhecimentos Específicos (70)
    • Noções de Administração Pública
    • Noções de Administração Financeira e Orçamentária
    • Noções de Gestão de Pessoas nas Organizações
    • Noções de Arquivologia
    • Noções de Administração de Recursos Materiais
    • Legislação Aplicada a Polícia Federal

Último concurso para Agente Administrativo da PF

O último edital da Polícia Federal para este cargo foi publicado em 2013 pelo Cebraspe, que na época ainda era chamado de Cespe. A validade deste concurso foi expirada em junho de 2018.

A oferta foi de 566 vagas para cargos da área administrativa, em funções de níveis médio e superior. Deste total, 534 oportunidades eram destinadas ao cargo de Agente Administrativo. A lotação era para diversos estados brasileiros e Distrito Federal.

A remuneração oferecida para a função de Agente Administrativo da PF foi de R$ 3.316,77, sendo:

  • vencimento básico de R$ 2.043,17
  • valor mínimo da GDATPF de R$ 1.273,60
    • sendo o valor da GDATPF variável de R$ 1.273,60 a R$ 1.592,00, dependendo da avaliação de desempenho do servidor

Naquele ano todos os candidatos ao cargo de Agente Administrativo foram avaliados com uma prova objetiva. A seleção contou com mais de 320 mil inscritos.